Última hora

Última hora

Theresa May aguenta-se à oposição de Corbyn nas eleições locais

Em leitura:

Theresa May aguenta-se à oposição de Corbyn nas eleições locais

Tamanho do texto Aa Aa

As expectativas eram altas para os Trabalhistas nas eleições locais desta quinta-feira, no Reino Unido, no entanto o sufrágio deixou perceber as limitações da oposição britânica.

Os resultados apurados nos mais de 30 círculos eleitorais de Londres, por exemplo, denotam ainda assim uma ligeira recuperação do partido de Jeremy Corbin na região da capital.

"A história da noite é o colapso do UKIP por todo o território e o nosso triunfo em Plymouth. Também colocámos a nossa chancela em diversos outros lugares e ganhámos câmaras que nunca tínhamos tido até aqui em alguns dos distritos de Londres", destacou o líder trabalhista.

A primeira-ministra britânica, por seu turno, aguentou-se bem neste teste nas urnas.

Com uma possível revolta no parlamento em perspetiva devido à estratégia para a saída da União Europeia, Theresa May mantém-se sólida rumo ao "brexit".

"Os nossos autarcas trabalharam muito para os residentes de Wandsworth, onde temos controlado nos últimos 40 anos. Os Trabalhistas pensavam que podiam tirar-nos daqui. Era um dos alvos deles, apostaram tudo, mas falharam", sublinhou May.

Fora da capital, os Conservadores recuperaram o controlo de muitas câmaras nas regiões pró-"brexit" de Peterborough e Basildon. Grande parte delas à custa dos nacionalistas do UKIP, em plena crise política e de liderança.