Última hora

Última hora

Suspeitos das agressões a jogadores do Sporting levados a tribunal

Em leitura:

Suspeitos das agressões a jogadores do Sporting levados a tribunal

Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades portugueses detiveram 23 suspeitos após os violentos incidentes que ocorreram na Academia do Sporting em Alcochete. Os indivíduos foram levados ao tribunal do Barreiro para ser ouvidos por um juíz de instrução criminal

Recorde-se que esta terça-feira, cerca de 50 pessoas, de cara tapada, alegadamente, adeptos do Sporting, invadiram a Academia de Alcochete, conseguiram ter acesso ao balneário e agrediram os futebolistas e membros da equipa técnica leonina.

Este caso está a chocar o país e até o Presidente da República condenou as agressões. Em declarações aos jornalistas à margem de uma conferência comemorativa do Dia Nacional dos Cientistas, Marcelo Rebelo de Sousa disse sentir-se "vexado" com os incidentes de terça-feira.

"Tive o sentimento de alguém que se sente vexado pela imagem projetada por Portugal no Mundo. Vexado porque Portugal é uma potência, nomeadamente no futebol profissional, e vexado pela gravidade do que aconteceu", afirmou o Presidente da República.

As agressões ocorreram após o treino da equipa principal do Sporting, depois da derrota frente ao Marítimo (por 2-1). Os leões preparam a final da Taça de Portugal, no domingo, frente ao Desportivo das Aves.

Em reação a este caso, o presidente do Sporting garantiu que a equipa leonina vai disputar a final. Bruno de Carvalho, que tem sido alvo de muitas críticas, disse que este episódio "foi chato"...e que o "crime faz parte do dia a dia".