Última hora

Última hora

Salvini procura soluções para a crise migratória

Em leitura:

Salvini procura soluções para a crise migratória

© Copyright :
REUTERS/Remo Casilli
Tamanho do texto Aa Aa

O recém-empossado governo italiano tem muitos desafios pela frente um deles, de grande importância, é o da imigração clandestina. Matteo Salvini, líder da Liga, vice-primeiro ministro do executivo de coligação, e ministro do Interior esteve em Pozzallo, na Sicília e prometeu procurar soluções para o problema:

"Como ministro, trabalharei com parceiros europeus e países africanos para evitar que milhares de pessoas desesperadas tenham a ilusão de que em Itália existem casas e empregos para todos. Eu vi que em Itália o custo para cada requerente de asilo é o mais alto da Europa. , o tempo para processar todos os pedidos é o mais longo na Europa e é necessário agir", afirmou o ministro.

No ano passado, um acordo controverso assinado entre o antigo governo de centro-esquerda, de Itália, e autoridades e milícias na Líbia provocou uma queda em 75% nas chegadas, em termos gerais, desde o verão de 2017.

Pozallo, cidade portuária no sul da Sicília, é um dos principais pontos de desembarque dos refugiados que fogem da guerra, da perseguição e da fome no norte de África e no Médio Oriente.