Última hora

Última hora

Vardzia: A cidade caverna da mulher coroada rei

Em leitura:

Vardzia: A cidade caverna da mulher coroada rei

Tamanho do texto Aa Aa

Conhecida por "Cidade da Caverna", Vardzia foi escavada na Montanha Erusheti, no sul da Geórgia, em 1185.

Tinha um significado especial para os georgianos porque era associada ao rei Tamar, uma mulher carismática que foi coroada rei em vez de rainha.

Claudio Rosmino, euronews: "Entre todas as preciosidades da arquitetura da Geórgia, o complexo de Vardzia é o mais valioso. Nesta cidade, esculpida na rocha, havia casas, lojas, bibliotecas e até mesmo uma rede de água. Um total de 6 mil quartos, distribuídos em treze níveis".

Em 1283, um século depois de ter sido construída, parte da cidade foi destruída por um terremoto. O que hoje podemos ver é apenas um terço do tamanho de há cerca de 700 anos.

"O complexo de cavernas de Vardzia demorou cerca de 48 anos a ser construído e foi concebido para abrigar 50 mil pessoas por questões de defesa. Mais tarde tornou-se um mosteiro real com funções na educação", conta Tina Zedginidze, guia do Museu de Vardzia.

Um pequeno grupo de monges continua a viver aqui. Pode-se visitar cerca de 300 apartamentos e em alguns destes túneis o antigo sistema de irrigação continua a funcionar.

Mais sobre Postcards