Última hora

Última hora

Bernardo Silva: "Espanhóis são experientes e não se deixam afetar"

Em leitura:

Bernardo Silva: "Espanhóis são experientes e não se deixam afetar"

© Copyright :
REUTERS/Sergei Karpukhin
Tamanho do texto Aa Aa

Indiferente à revolução no comando técnico da rival Espanha, com o despedimento do selecionador Julen Lopetegui e a promoção interina de Fernando Hierro, a seleção portuguesa continua a preparar com tranquilidade a estreia no Mundial diante do vizinho ibérico.

Em conferência de imprensa, Bernardo Silva disse esperar uma seleção espanhola na máxima força apesar das notícias em torno de Julen Lopetegui, que àquela hora ainda não havia sido despedido e trocado, mas apenas confirmado a transferência para o Real Madrid.

"Tenho a certeza que a seleção espanhola, sendo mais do que experiente, está focada no seu objetivo", afirmou o médio português do Manchester City, tentando alongar-se nos problemas do rival.

Perante a insistência normal no tema, Bernardo Silva disse que "se Fernando Santos estivesse para sair, isso é que seria um problema."

À insistência dos jornalistas espanhóis, o camisola "11" da seleção lá se alongou um pouco.

"Os jogadores da seleção espanhola são muito experientes, quase todos já ganharam Mundiais, Europeus, a Liga dos Campeões e os melhores campeonatos da Europa. Portanto, são jogadores que estão mais do que preparados para este tipo de situação. Acho que não vai afetar a equipa espanhola", defendeu o Português.

Mas entretanto Lopetegui foi mesmo despedido e substituído interinamente pelo até então diretor desportivo da Federação, Fernando Hierro.

O impacto da mudança na seleção espanhola é incerto até à hora do jogo.

Bernardo foi também confrontado com o estado de espírito de Cristiano Ronaldo, por enquanto ainda jogador do Real Madrid, o novo clube de Julen Lopetegui.

O médio de 23 anos garantiu que o tema não mexeu com o capitão e grande figura da seleção Portuguesa.

"O Cristiano está focado no jogo da seleção, na nossa equipa, no nosso treinador e nos nossos adeptos. E isso é o mais importante", garantiu.

A revolução na equipa espanhola aconteceu no mesmo dia em que a Federação Portuguesa de Futebol apresentou a música oficial da seleção das Quinas para o Mundial.

A escolha recaiu num tema do lusodescendente Shawn Mendes.

"In My Blood" foi o primeiro single do terceiro álbum do canadiano e foi revisto com alguns versos em português para acompanhar Portugal durante os jogos na Rússia.