Última hora

Última hora

França e Espanha querem "centros fechados" para migrantes

Em leitura:

França e Espanha querem "centros fechados" para migrantes

França e Espanha querem "centros fechados" para migrantes
Tamanho do texto Aa Aa

16 dos 28 vão reunir-se para debater a imigração. O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, convocou alguns dos líderes da União Europeia para uma reunião informal em Bruxelas, com vista a encontrar soluções para a crise migratória na Europa, antes da cimeira a 28.

França e Espanha parecem estar alinhadas. Este sábado, após um encontro em Paris entre os líderes dos dois países, Emmanuel Macron veio defender, ao lado de Pedro Sánchez, a criação de "centros fechados" onde quem chega à Europa possa rapidamente ser acolhido e as autoridades decidir quem está apto para pedir asilo.

Já o líder do governo espanhol ressalvou a necessidade de encontrar consensos. "Queremos evidenciar o que nos une e de forma consciente enviarmos uma mensagem à opinião pública europeia de que apenas sendo mais fortes, mais unidos, vamos conseguir responder a esses desafios globais", afirmou Pedro Sánchez.

Numa altura em que diversos Estados-membros adotam medidas anti-imgração, o presidente francês defende também a implementação de multas aos países da União Europeia que recusem a entrada de migrantes com direito comprovado a asilo.

A cimeira da União Europeia vai decorrer em Bruxelas, entre 28 e 29 de junho