Última hora

Última hora

Trabalhadores da Europa do Sul escolhem República Checa

Em leitura:

Trabalhadores da Europa do Sul escolhem República Checa

Trabalhadores da Europa do Sul escolhem República Checa
Tamanho do texto Aa Aa

Na República Checa está a aumentar o número de trabalhadores que chegam da Europa do Sul.

A imprensa checa sublinha que Itália está no topo da lista e que o número de trabalhadores espanhóis e portugueses triplicou na última década.

Uma situação explicada pelas altas taxas de desemprego dos últimos anos na Europa do Sul e pelo facto do país registar a mais baixa taxa de desemprego da Europa.

Segundo a Câmara de Comércio checa, faltam trezentos mil funcionários para as empresas nacionais. O porta-voz do organismo revelou que atualmente existem cerca de 3.500 italianos, 1.900 espanhóis, 1.000 gregos e 700 portugueses empregados nas empresas do país.

A capital, Praga é a cidade onde se concentra a maioria destes trabalhadores.