Última hora

Última hora

Rússia 2018: 20 anos depois, França sagra-se campeã do mundo

Em leitura:

Rússia 2018: 20 anos depois, França sagra-se campeã do mundo

Rússia 2018: 20 anos depois, França sagra-se campeã do mundo
Tamanho do texto Aa Aa

A França sagrou-se este domingo campeã do Mundo de futebol pela segunda vez na sua história, ao vencer na final de Moscovo a seleção da Croácia, por 4-2.

Os gauleses, com Didier Deschamps ao comando da equipa, volataram a sorrir depois de terem vencido em casa em 1998, com o agora selecionador a levantar então o troféu como jogador.

No duelo desta tarde no Estádio Luzhniki, a Croácia entrou melhor e dominou a primeira parte, mas foram os franceses a mostrar uma eficácia total.

O primeiro golo surgiu com um autogolo de Mandzukic, aos 18, na sequência de um livre de Griezmann. Porém, bastaram dez minutos para se ver o golo do empate, com Perisic a atirar forte para o 1-1.

Ainda ainda antes do intervalo, aos 38 minutos, Griezmann marcou o 2-1 numa grande penalidade assinalada na sequência de uma mão na bola de Perisic. O lance só foi marcado depois de o árbitro Nestor Pitana ter consultado as imagens, por indicação do VAR.

O 2-1 ao intervalo era cruel para a Croácia, que tinha mais remates e mais posse de bola perante uma França que pouco tinha feito para chegar ao golo.

No segundo tempo, a Croácia regressou cheia de vontade de recuperar, mas foi a experiência francesa a prevalecer.

Pogba, aos 59, e Mbappé, aos 65, elevaram a vantagem rapidamente para 4-1 e deixaram a final praticamente resolvida. As dúvidas só surgiram quando um erro de Lloris permitiu a Mandzukic fazer o 4-2, aos 69.

Contudo, depois de três recuperações na fase a eliminar, a Croácia não conseguiu repetir o feito e acabou mesmo por sair derrotada na sua primeira final.

Os gauleses vencem assim o seu segundo Mundial na história e igualam a Argentina e o Uruguai com duas vitórias.