Última hora

Última hora

Ciberataque em Singapura rouba dados a 1,5 milhões de pacientes

Em leitura:

Ciberataque em Singapura rouba dados a 1,5 milhões de pacientes

Ciberataque em Singapura rouba dados a 1,5 milhões de pacientes
Tamanho do texto Aa Aa

É um dos maiores cibertaques de sempre em Singapura. Hackers conseguiram invadir uma rede de saúde e roubar dados de 1 milhão e 500 mil pacientes.

Além de informações pessoais, foram roubadas milhares de receitas passadas em clínicas de todo o pais entre maio de 2015 e julho deste ano.

As entidades de saúde utilizaram as redes sociais para pedir desculpa a todos os que foram apanhados neste esquema "sofisticado", como já lhe chama o ministério da saúde.

Quem também não escapou ao ataque foi o chefe de governo, o qual admitiu, através da página pessoal do facebook, que também ele está entre os afetados.

Ainda não se sabe quem está por detrás deste crime.