Última hora

Última hora

México: dois feridos graves e mais de 90 feridos ligeiros é o balanço final

Em leitura:

México: dois feridos graves e mais de 90 feridos ligeiros é o balanço final

México: dois feridos graves e mais de 90 feridos ligeiros é o balanço final
Tamanho do texto Aa Aa

Dois feridos graves mais de 90 feridos ligeiros é o balanço do acidente aéreo ocorrido na terça-feira no México.

"Foi um buraco que se abriu atrás de nós e era por aí que as pessoas estavam a sair"

Passageira não identificada Voo da companhia aérea Aeromexico

Dos 99 passageiros e quatro elementos da tripulação que seguiam a bordo , apenas o piloto e uma criança se encontram hospitalizados em estado grave.

Não há contudo vítimas fatais a lamentar.

O acidente ocorreu durante a descolagem do aeroporto de Durango. O avião teria sido atingido por uma rajada de vento que fez com que uma das asas batesse no solo.

"Tive sorte porque ao virar-me vi um buraco. Foi um buraco que se abriu atrás de nós e era por aí que as pessoas estavam a sair. Desapertei o cinto do meu filho e foi assim que saímos. Saltámos", afirmou uma das sobreviventes.

A descolagem do avião teve lugar durante uma tempestade com chuvas intensas.
A ativação dos escorregas de emergência permitiu evitar o pior.

"A nossa equipa de emergência deslocou-se ao local do desastre. Eles estão lá para ajudar. Isso é o mais importante. A prioridade é assegurar que todos os passageiros estão bem e estão a ser bem tratados, que quem precisa de auxílio médico, possa recebê-lo. É isso que estamos a fazer", adiantou o diretor executivo da companhia aérea Aeromexico, Andres Conesa.

No total, 97 pessoas foram admitidas no hospital, a maioria apenas com ferimentos ligeiros.

O diretor-geral da companhia aérea elogiou o desempenho da tripulação e a atitude dos passageiros afirmando que todas as despesas médicas seriam assumidas pela empresa.