Última hora

Última hora

Mike Pompeo apela à pressão sobre a Coreia do Norte

Em leitura:

Mike Pompeo apela à pressão sobre a Coreia do Norte

Mike Pompeo apela à pressão sobre a Coreia do Norte
Tamanho do texto Aa Aa

O secretário de Estado norte-americano Mike Pompeo pediu hoje à comunidade internacional a “manutenção da pressão diplomática e económica”, contra a Coreia do Norte, até que seja cumprido o compromisso da desnuclearização do país.

Mike Pompeo, responsável da administração norte-americana pela aplicação dos compromissos saídos da cimeira entre o presidente norte-americano, Donald Trump, e o líder norte-coreano, Kim Jong-un, de 12 de junho, proferiu estas declarações à margem do 25.º Fórum Regional da Associação de Nações do Sudeste Asiático (ASEAN).

Foi a primeira reação do representante dos Estados Unidos às notícias de que os norte-coreanos não interromperam o seu programa nuclear.

"O processo de desnuclearização da península norte-coreana é um processo que todos sabemos que vai levar algum tempo, mas devo dizer que das minhas reuniões aqui, o mundo está unido em torno desse objetivo. Não houve um único país que não tenha agradecido aos Estados Unidos pelos seus esforços em levar o mundo rumo à possibilidade de alcançar essa meta", afirmou.

Os rumores sobre a construção de dois mísseis intercontinentais podem ainda ditar uma reunião entre Mike Pompeo e o homólogo norte-coreano, Ri Yong Ho.

Por outro lado, o diplomata americano já teve também oportunidade de conversar com Wang Yi, o ministro das Relações Exteriores da China.

Em plena guerra comercial com os Estados Unidos, a China apelou à manutenção dos acordos de Singapura sobre a península coreana alcançados a 12 de junho.