Última hora

Última hora

NASA alia-se a empresas privadas para relançar os voos espaciais

Em leitura:

NASA alia-se a empresas privadas para relançar os voos espaciais

NASA alia-se a empresas privadas para relançar os voos espaciais
Tamanho do texto Aa Aa

São nove os astronautas escolhidos para as primeiras missões espaciais tripuladas da NASA a serem lançadas a partir dos Estados Unidos desde o fim do programa espacial em 2011.

Eric Boe, Chris Fergunson, Nicole Anaipu Mann (1º vez no espaço), Josh Cassada (1º vez no espaço), Suni Williams, Bob Behnken, Doug Hurley, Vitor Glover (1ª vez no espaço) e Mike Hopkins são os pilotos e técnicos com a responsabilidade de avançar já com os primeiros testes.

É um momento de viragem para a agência espacial norte-americana, com a abertura ao setor privado através das colaborações com a Space X, do empresário Elon Musk, e a Boeing.

O primeiro voo deve ocorrer em 2019, interrompendo assim a dependência americana em relação à Rússia para o transporte dos seus astronautas até à Estação Espacial Internacional.

O anúncio deixou inclusivamente Donald Trump satisfeito, com o presidente dos Estados Unidos a defender que esta é uma fase entusiasmante para a NASA.

O transporte comercial de ida e volta para a Estação Espacial Internacional é fundamental para a NASA entender e superar os desafios dos voos espaciais, principalmente de longa duração, necessários para uma presença sustentável na Lua e missões mais profundas no sistema solar, incluindo Marte.