This content is not available in your region

Greve da Ryanair afeta milhares de passageiros

Access to the comments Comentários
De  Joao Duarte Ferreira
Greve da Ryanair afeta milhares de passageiros

Os pilotos da companhia aérea de baixo custo, Ryanair, entraram em greve em cinco países europeus.

A greve forçou ao cancelamento de um sexto dos voos da transportadora aérea.

Os países afetados pela greve de 24 horas são a Alemanha, Suécia, Irlanda, Bélgica e a Holanda, num total de cerca de 50 mil passageiros e 400 voos.

A Ryanair defende-se dizendo que fez tudo ao seu alcance para evitar a greve.

No centro do conflito estão os salários e as condições de trabalho.

Os sindicatos querem que os contratos de trabalho dos funcionários sejam regulados por legislação dos países em que se encontram sedeados e não por legislação irlandesa.

Em julho, cerca de 300 voos foram cancelados na Bélgica, Portugal e Espanha devido à greve dos tripulantes de bordo.