Última hora

Última hora

Veterinários resgatam animais afetados pelo incêndio no Algarve

Em leitura:

Veterinários resgatam animais afetados pelo incêndio no Algarve

Veterinários resgatam animais afetados pelo incêndio no Algarve
Tamanho do texto Aa Aa

Veterinários e voluntários estão a resgatar os animais afetados pelo incêndio de Monchique, na região portuguesa do Algarve. Na fuga às chamas, a população levou consigo os animais que podia, mas muitos tiveram de ficar para trás.

"Os que ficam para trás ficam à mercê de si próprios e vamos tentando capturá-los. Tentamos saber onde é o local que eles se encontram e tentamos logo que nos seja possível chegar ao local para, pelo menos, deixar água e com o tempo ganhar a sua confiança para os podermos tratar e acompanhar até poderem ser novamente devolvidos ao local", explica Ana Silva, veterinária municipal de Monchique.

"Tem havido casos fatais, mas muitas alegrias também, situações de verdadeiros milagres", realça.

Dezenas de voluntários estão a percorrer a serra de Monchique, em busca dos animais, muitos deles com queimaduras e intoxicações causadas pelo fumo.

"Aquilo que os portugueses nos doaram é imenso. Nós temos material. Temos o equipamento necessário. Talvez a nossa maior dificuldade seja o custo do gasóleo, das portagens, de coisas desse género", diz Nuno Paixão, veterinário da Associação Nacional dos Alistados das Formações Sanitárias (ANAFES).

O Ministério da Agricultura vai disponibilizar alimentação para os animais afetados pelo incêndio, aguardando pedidos de apoios dos produtores afetados.