This content is not available in your region

Aeroporto de Gatwick retoma atividade

Access to the comments Comentários
De  Rodrigo Barbosa  com AFP
Aeroporto de Gatwick retoma atividade

Com uma primeira aterragem esta madrugada, Gatwick retoma lentamente a atividade.

O segundo maior aeroporto do Reino Unido esteve paralizado 32 horas na sequência do aparecimento de drones a voar perto das pistas.

Uma passageira diz que "estragou as férias de toda a família [...] tudo porque alguém decidiu fazer voar drones".

Outro explica que passou "seis horas sentado no avião", enquanto lhe diziam que iam "descolar assim que possível, apenas para depois cancelarem o voo".

A polícia britânica descartou a pista terrorista, mas tem mais de 20 unidades envolvidas nas buscas pelos responsáveis.

Jason Tingley, porta-voz da polícia de Sussex, explicou que "há várias linhas de investigação e vários suspeitos. [...] Estão a ser usados todos os recursos disponíveis."

A paralização em Gatwick afetou mais de 120.000 passageiros.

No Reino Unido, o uso de drones perto de aeroportos é punível com uma pena de até cinco anos de prisão.

Outras fontes • The Guardian