This content is not available in your region

Alemães podem deixar Huawei fora do 5G

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Alemães podem deixar Huawei fora do 5G
Direitos de autor  REUTERS/Aly Song   -  

A Alemanha pondera travar o gigante tecnológico Huawei. O cenário estará a ser debatido no governo de Angela Merkel. É uma informação avançada pelo jornal económico Handelsblatt.

A Alemanha juntar-se-ia aos Estados Unidos, Austrália e Nova Zelândia, que já baniram tecnologia da marca chinesa nas redes 5G, a próxima geração de ligações de dados móveis. Canadá e Reino Unido ponderam fazer o mesmo.

Os receios são de que o governo chinês esteja a a usar a Huawei como um entreposto de espionagem ao mais alto nível. Empresa e executivo de Pequim desmentem.

Publicamente, o ministro alemão do Interior tem sido contra a proibição de fornecedores específicos às redes 5G. Em cima da mesa parece agora estar um protocolo de segurança que, por inerência, deixará a empresa chinesa de fora.

O assunto já ultrapassou a barreira das polémicas comerciais e incendiou os palcos diplomáticos. Esta quinta-feira, o embaixador da China no Canadá avisou que um embargo à Huawei iria ter consequências.