This content is not available in your region

Papa no Panamá para Jornada Mundial da Juventude

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Papa no Panamá para Jornada Mundial da Juventude
Direitos de autor  REUTERS/Henry Romero   -  

Há mais de 35 anos que nenhum papa pisava o solo do Panamá. Francisco está de visita ao país por cinco dias para celebrar a Jornada Mundial da Juventude.

No evento religioso, os jovens católicos têm oportunidade para debater questões sociais e espera-se que o papa aborde temas como a da imigração. Logo à chegada, em conversa com os jornalistas, Francisco sugeriu que a hostilidade aos imigrantes era motivada pelo medo irracional, numa crítica velada aos líderes políticos que estão a fechar as fronteiras.

Por breves instantes, um pequeno susto: um homem com uma bandeira da Venezuela saiu da multidão em direção à comitiva papal, mas sem demais consequências para além do alarme entre as forças de segurança.

O "Woodstock dos católicos", como também é conhecida a jornada, acontece num intervalo de dois ou três anos. Em 2019, chegou pela primeira vez à América Central, no Panamá, onde, de acordo com o serviço noticioso do Vaticano, 88% dos quatro milhões de habitantes são católicos. A quatro meses do encontro, a organização já contava mais de 200 mil peregrinos incritos.