This content is not available in your region

Cardeal Barbarin anuncia demissão

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Kardinal çocuk tacizi suçunu örtbastan hapis cezası aldı
Kardinal çocuk tacizi suçunu örtbastan hapis cezası aldı   -   Direitos de autor  Reuters   -  

O cardeal Phillipe Barbarin vai apresentar a demissão ao Papa. A decisão foi comunicada depois de o Tribunal Criminal de Lyon o ter condenado a uma pena suspensa de seis meses de prisão por ocultar casos de pedofilia na Igreja Católica.

Numa declaração aos jornalistas, Barbarin quis também dedicar as preces às vítimas de pedofilia e respetivas famílias.

O tribunal considerou provado que o arcebispo sabia e não denunciou agressões sexuais a um grupo de jovens escuteiros por parte do padre Bernard Preynatum, realizadas durante as décadas de 70 e 80 .

Durante o julgamento, que durou três dias, Barbarin considerou-se sempre inocente, apesar de admitir saber das agressões desde 2010 e só se ter apercebido da gravidade dos factos quatro anos depois.

A defesa do cardeal pediu absolvição e já afirmou que vai pedir recurso da sentença. Barbarin deverá ser recbeido pelo Papa Francisco dentro de alguns dias.