This content is not available in your region

Cabo Verde investe em futuros campeões de natação

Access to the comments Comentários
De  Catarina Santana  com LUSA
Cabo Verde vai formar atletas na nova piscina oceânica na ilha de São Vicente
Cabo Verde vai formar atletas na nova piscina oceânica na ilha de São Vicente   -   Direitos de autor  LUSA

Quem nasceu em São Vicente, conhece o mar desde as primeiras braçadas. Até aqui, era nas águas agitadas que circundam a ilha cabo-verdiana, que todos aprendiam a nadar. Mas o ensino da natação está prestes a mudar na ilha.

Inaugurada em agosto deste ano, a piscina oceânica da praia da Laginha, vai passar a formar alunos e a acolher provas da modalidade.

Das águas paradas do recinto, o governo de Cabo Verde, que desenvolveu o projeto, espera saírem futuros campeões. Escolas e professores, também

Antão Francisco Pio, presidente da Escola de Natação e Salvamento Aquático Etnasa, ressalva que "ensinar numa piscina é diferente de ensinar na água em movimento forte", sobretudo quando o objetivo da sua escola, foi, "desde sempre, era formar atletas para representar Cabo Verde, a nível nacional e internacional".

Caso seja viável, o projeto-piloto pode vir a ser repercutido em outras zonas do país

Além do ensino da natação como prática desportiva e da formação de profissionais de salvamento aquático, o ministério (cabo-verdiano) do Mar tem ainda outra ambição para estas piscinas: que ajudem a população a conhecer melhor o mar, de modo a evitar os acidentes que todos anos acontecem nas praias de Cabo Verde.