This content is not available in your region

Covid-19: Protestos em Amesterdão contra as medidas restritivas

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Covid-19: Protestos em Amesterdão contra as medidas restritivas
Direitos de autor  أ ب

Uma multidão encheu este domingo as ruas de Amesterdão, a capital dos Países Baixos.

Milhares de pessoas participaram num comício contra as restrições à vida quotidiana, que estão em vigor devido à pandemia de Covid-19. Chegou a haver confrontos com a polícia.

A manifestação esteve prevista para a praça do Museu, mas o enorme número de pessoas esperado não permitia cumprir a distância recomendada de 1,5 m, o que levou a presidente da câmara da cidade, Femke Halsema, a emitir um decreto de emergência proibindo o comício.

Tinha sido aprovada uma outra manifestação no Westerpark, com um limite de participação de duas mil pessoas, que foi largamente ultrapassado.

Devido à progressão galopante da Ómicron, os Países Baixos têm atualmente as medidas mais restritivas da Europa, com restaurantes, bares, lojas, recintos desportivos e todas as atividades culturais e recreativas encerradas, medidas estas previstas até 14 de janeiro.

Nas férias de Natal e fim de ano, muitos holandeses viajaram para a Bélgica para fugir ao confinamento.