Von der Leyen em Kiev para falar sobre adesão à UE

Access to the comments Comentários
De  Euronews  com Lusa
Ursula Von der Leyen
Ursula Von der Leyen   -   Direitos de autor  Natacha Pisarenko/Associated Press

A presidente da Comissão Europeia voltou a Kiev para falar da reconstrução do país e da vontade dos ucranianos de entrarem na União Europeia. Numa conferência de imprensa conjunta com Volodymir Zelenskyy, Ursula Von der Leyen garantiu que a Comissão está "a trabalhar dia e noite" para perceber a viabilidade de uma candidatura ucraniana ao bloco.

Numa conferência de imprensa conjunta com Zelenskyy, Von der Leyen sublinhou que a Ucrânia "partilha o mesmo objetivo dos 27, de canalizar os investimentos e realizar reformas de modo a melhorar a vida dos ucranianos e reconstruir o país. "A União Europeia quer tornar a Ucrânia atrativa para os investidores e quer apoiar o seu percurso europeu num contexto de reforma e investimento", disse Von der Leyen. A presidente da Comissão considerou que "a Ucrânia fez um brom trabalho no reforço do Estado de direito, mas disse que ainda é necessário implementar reformas para combater a corrupção, por exemplo, ou para modernizar a administração para ajudar a atrair investidores". "As discussões de hoje vão permitir-nos finalizar a nossa avaliação até ao final da próxima semana", acrescentou, 

Nas declarações aos jornalistas, o presidente ucraniano disse que a Rússia "quer dividir e enfraquecer a Europa”. Para Zelenskyy, todo o continente "é um alvo para a Rússia, e a Ucrânia é apenas a primeira fase da agressão desse plano". E é por isso, disse o presidente, que "a resposta positiva da União Europeia ao pedido de adesão da Ucrânia pode ser uma resposta positiva à questão de saber se o projeto europeu tem futuro".