This content is not available in your region

Exportações de cereais da Ucrânia aceleram com mais 8 cargueiros

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Oito navios de cereais que partem da Ucrânia
Oito navios de cereais que partem da Ucrânia   -   Direitos de autor  Diritti d'autore TURKISH DEFENCE MINISTRY/AFP or licensors

O Razoni, ainda não chegou ao seu destino: Trípoli, no Líbano. Este é o primeiro de oito navios de cereais que saem da Ucrânia. De acordo com a embaixada ucraniana, o Líbano recusou-se a aceitar as 26 mil toneladas de milho devido ao atraso de cinco meses na entrega. A Ucrânia está agora à procura de outro interessado na carga.

"Chegámos a Tripoli mas a recepção do primeiro navio carregado com milho de Odessa será atrasada", aguardamos a conclusão do processo de negociação a nível comercial. Mais vinte navios preparam-se para deixar o porto depois deste - disse o Embaixador da Ucrânia no Líbano, Ihor Ostash, numa publicação nas redes sociais".

O primeiro a chegar foi o Polarnet, um cargueiro que transportava 12 mil toneladas de milho, que foi descarregado na segunda-feira em Derince, na Turquia.

Os três navios receberam uma rota pré-determinada do centro de coordenação conjunta, com latitudes, longitudes e posições. Com 17 pontos de passagem até à chegada a Istambul, de curto, médio e longo alcance. Estas eram naturalmente zonas perigosas, corredores, que tinham sido desobstruídos - desminados.
Ahmet Yucel Alibeyler
Capitão - Polarnet

A partida dos oito navios acontece depois de um acordo entre a Ucrânia e a Rússia, com a Turquia como mediador. O acordo pretende reduzir o risco de uma crise alimentar global causada pela limitação das exportações de cereais, desde a invasão russa da Ucrânia.