This content is not available in your region

Autor do ataque a Salman Rushdie acusado de tentativa de homicídio

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Hadi Matar, autor do ataque.
Hadi Matar, autor do ataque.   -   Direitos de autor  Gene J. Puskar/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved

Hadi Matar, o homem que esfaqueou o escritor britânico Salman Rushdie, momentos antes do início de um evento em Nova Iorque, nos Estados Unidos da América, na passada sexta-feira, foi acusado de tentativa de homicídio e agressão, de acordo com as autoridades norte-americanas. O juiz ordenou ainda a sua detenção sem a possibilidade do pagamento de uma caução.

O homem, de origem libanesa, foi acusado de ter premeditado o ataque. Hadi Matar comprou um bilhete de entrada antecipado para o evento e chegou um dia mais cedo, com uma identificação falsa.

Contudo, o atacante não assume a culpa e apresentou uma declaração de inocência perante o tribunal de Nova Iorque.

O escritor Salman Rushdie, de 75 anos, sofreu ferimentos graves, na sequência do ataque levado a cabo com uma arma branca, e permanece internado no hospital, mas está a recuperar. O autor já não está ligado a um ventilador e já consegue falar, de acordo com informações veículadas pelo agente.

Rushdie é autor da obra "Versículos Satânicos". O livro é considerado uma afronta contra "o Islão, o profeta e o Alcorão" pelas autoridades iranianas.