This content is not available in your region

Bruxelas recebe resposta de Teerão ao projeto de entendimento para ressuscitar Acordo Nuclear

Access to the comments Comentários
De  euronews
Plano de Ação Global Conjunto
Plano de Ação Global Conjunto   -   Direitos de autor  AP/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved. This material may not be published, broadcast, rewritten or redistribu   -  

Emoções contidas em Bruxelas, mas o acordo nuclear iraniano pode estar ao virar da esquina, depois da recepção da resposta de Teerão ao projeto de entendimento - que pretende ressuscitar o acordo de 2015 sobre o controverso programa nuclear do Irão.

O pacto denominado Plano de Ação Global Conjunto (JCPOA, na sigla em inglês) destina-se a garantir o caráter civil do programa nuclear iraniano e a dissipar os receios ocidentais que o regime de Teerão estivesse a utilizar o programa nuclear para fabricar armas atómicas - apesar dos desmentidos de Teerão.

Entrou em vigor em 2015, o acordo desfez-se três anos depois, com a retirada unilateral da administração Trump e a re-imposição de sanções económicas contra o Irão.

Em resposta o Irão acelerou o programa atómico, chegando ao ponto de produzir 60% de urânio enriquecido em 2021. A chegada de Joe Biden à Casa Branca abriu a possibilidade para uma retoma das negociações. Nos últimos 16 meses, Alemanha, França, Reino Unido, Rússia, China e, indiretamente, os Estados Unidos tentaram encontrar uma solução com o Irão para restaurar o acordo.