This content is not available in your region

Combates aumentam de intensidade no leste da Ucrânia

Access to the comments Comentários
De  euronews
Combates intensificam-se no leste da Ucrânia
Combates intensificam-se no leste da Ucrânia   -   Direitos de autor  Andriy Andriyenko/Copyright 2022 The AP. All rights reserved   -  

Os combates intensos continuam esta segunda-feira no leste da Ucrânia. 

As regiões de Donetsk e Luhansk é onde os confrontos atingem maior intensidade.

Em Donetsk, que permanece sob controlo separatista russo, um ataque com foguetes causou danos significativos nas instalações do presidente da câmara. De acordo com as autoridades locais, quatro pessoas ficaram feridas.

Esta manhã, os mísseis voltaram igualmente a cair na capital, Kiev. Informações dão conta de várias explosões, uma delas nas proximidades do centro. Segundo a presidência ucraniana, os ataques teriam sido levados a cabo por drones "kamikaze".

No discurso noturno, o presidente ucraniano admitiu que cerca de dois mil prisioneiros russos libertados estariam agora a combater como mercenários ao lado da Rússia.

A região russa de Belgorod que faz fronteira com a Ucrânia foi mais uma vez atingida por foguetes no domingo, O governador local disse que mais de 20 casas foram danificadas.

Até recentemente, a cidade raramente havia sido atingida, ao contrário da região circundante.

Os ataques surgem na sequência da ofensiva de sexta-feira a uma subestação eléctrica em Belgorod e do ataque de sábado a um campo de treino militar que resultou em 11 mortos - Moscovo descreveu isso como um ataque terrorista.

Entretanto, na cidade de Izium, no leste, a sombra da guerra ainda paira sobre a cidade após a recaptura pelo exército ucraniano. 

Os voluntários trouxeram um pequeno toque de normalidade - pacotes alimentares incluindo chocolate - um pequeno luxo, após meses de privação.