Membros da NATO reunidos para definirem ajudas à Ucrânia

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Antony Blinken e Jens Stoltenberg na conferência da NATO, na Roménia
Antony Blinken e Jens Stoltenberg na conferência da NATO, na Roménia   -   Direitos de autor  Vadim Ghirda/Copyright 2022 The AP. All rights reserved

Os ministros dos Negócios Estrangeiros dos países da NATO estão reunidos na Roménia para decidirem apoios à Ucrânia, face à intensificação dos ataques russos às infra-estruturas civis.

O chefe da Aliança Atlântica, Jens Stoltenbeg, define como prioridade o reforço das defesas aéreas.

"A mensagem de todos os aliados é que precisamos de fazer mais, tanto para ajudar a Ucrânia a reparar as infraestruturas críticas destruídas - incluindo a rede elétrica e de água e gás - como para enfrentar os ataques propriamente ditos, fornecendo mais sistemas de defesa aérea. Isto significa fornecer mais sistemas de defesa aérea, mas também garantir que os sistemas que já foram fornecidos - e muitos deles na realidade são sistemas modernos de defesa aérea padrão da NATO, incluindo Nasams e outros - estão a funcionar".

Para além dos sistemas de defesa, os participantes na conferência de dois dias devem definir outras ajudas. Espera-se dos EUA anunciem um pacote substancial de ajuda para manter a rede energética da Ucrânia, que a Rússia tem destruído.