UNESCO estuda propostas para incluir na lista de património imaterial

Access to the comments Comentários
De  euronews
A 17ª sessão do Comité Intergovernamental para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial decorre em Rabat, em Marrocos.
A 17ª sessão do Comité Intergovernamental para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial decorre em Rabat, em Marrocos.   -   Direitos de autor  AFP

A UNESCO discute a possibilidade de incluir 56 novos artigos nas listas do Património Cultural Imaterial da Humanidade. A decisão será tomada na 17ª sessão do Comité Intergovernamental para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial que decorre em Rabat, em Marrocos, até três de dezembro.

Entre as propostas está uma de Portugal e de Espanha, mais especificamente, da região da fronteira que separa o território português da Galiza. A c**andidatura do Património Imaterial Galaico-Português à UNESCO**, foi apresentada por um grupo de professores da Associação Ponte… nas Ondas!

Entre as propostas mais destacadas estão a baguete de pão (França), a canção popular raï (Argélia), as festas de feira (França e Bélgica), a cultura do "tchai/chá" (Azerbaijão e Turquia), as técnicas tradicionais de processamento de chá (China), o rubab, um alaúde da Ásia Central (Irão/Tajiquistão/Afeganistão), slivovitz, o álcool de ameixa da Sérvia, rum leve (Cuba), ou os conhecimentos e práticas culinárias em torno de harissa, o condimento tradicional tunisino.

De modo a evitar controvérsias, a UNESCO honra sobretudo as tradições, práticas e o saber que precisam de ser salvaguardados.

Os resultados serão publicados nas contas da UNESCO no Twitter a partir desta terça-feira à tarde.

A lista do Património Cultural da Humanidade inclui, atualmente, 530 elementos, 72 dos quais requerem salvaguarda urgente.