Juncker apela aos gregos para votarem "sim" em referendo

Access to the comments Comentários
De  Pedro Sacadura  com Reuters
Juncker apela aos gregos para votarem "sim" em referendo

Em nome da unidade, o presidente da Comissão Europeia apelou aos gregos para votarem “sim” no referendo que se deverá realizar domingo na Grécia.

No início de mais uma semana que se adivinha tensa, Jean-Claude Juncker lembrou que está em causa o futuro do povo grego: “o planeta inteiro considerará que um ‘não’ grego à questão que for colocada – ainda não se sabe qual a questão que será colocada – significará que a Grécia quer assumir um distanciamento em relação à zona euro e em relação à Europa.”

Esta segunda-feira, em conferência de imprensa, o líder do executivo comunitário sublinhou que as instituições fizeram tudo o que estava ao alcance para tentar chegar a um acordo com Atenas. Jean-Claude Juncker referiu ainda que não trabalha em uma nova proposta porque considera que o último pacote é “completo”, “exigente” e contém elementos “sociais”: “neste pacote não há cortes salariais. Ninguém pode transmitir a ideia de que há cortes salariais. Não há cortes nas pensões. Na verdade, este é um pacote que cria mais justiça social, mais crescimento e uma administração pública mais moderna e transparente.”

O programa de resgate da “troika” termina esta terça-feira. No mesmo dia, expira o prazo para a Grécia pagar 1,6 mil milhões de euros ao Fundo Monetário Internacional.