Brexit: Eurodeputados otimistas sobre votarem acordo

Access to the comments Comentários
De  Isabel Marques da Silva  & Chris Pritchard
Brexit: Eurodeputados otimistas sobre votarem acordo
Direitos de autor  Euronews

Michel Barnier, negociador-chefe do Brexit pela União Europeia, informou os embaixadores dos Estados-membros, segunda-feira, sobre o fracasso de mais um esforço negocial durante o fim-de-semana, entre a Comissão Europeia e o governo britânico.

Não foi anunciado novo prazo para concluir o acordo de livre comércio pós-Brexit, sendo que o Parlamento Europeu terá de aprovar o texto antes de terminar o período de transição, a 31 de dezembro, mas os eurodeputados já o conhecem bem.

“Esta é provavelmente uma das negociações mais escrutinadas na história dos acordos comerciais. Já conhecemos bem os contornos gerais das questões, pelo que seremos capazes de examinar o texto muito mais rapidamente do que no caso de outro acordo comercial. Aplicar o acordo de forma provisória deveria ser o último recurso, a minha prioridade é que o acordo possa entrar em vigor a 1 de janeiro", explicou Barry Andrews,  eurodeputado liberal irlandês, em entrevista à euronews.

Com 95% do acordo definido, falta a parte final sobre pescas, mecanismo de resolução de diferendos e regras sobre ajudas estatais. Os eurodeputados esperam que se chegue a bom porto.

"Quero transmitir uma mensagem de confiança às equipas de negociação de ambos os lados. Com certeza vão poder chegar a acordo, estamos todos à espera disso", afirmou Inmaculada Rodriguez Piñero, eurodeputada espanhola do centro-esquerda. 

Os co-legisladores admitem reunir de urgência na quadra festiva para poder dar esta "prenda" a muitos cidadãos e empresas angustiadas.