Última hora

Última hora

Bush e Kerry jogam a campanha em Las Vegas

Em leitura:

Bush e Kerry jogam a campanha em Las Vegas

Bush e Kerry jogam a campanha em Las Vegas
Tamanho do texto Aa Aa

Terminaram os debates televisivos e a campanha presidencial nos Estados Unidos voltou ao terreno. Mais exactamente, a Las Vegas, no Nevada, um dos estados que reflecte a tendência das sondagens nacionais, ou seja, um desfecho imprevisível porque ambos os candidatos estão taco a taco.

E apesar dos resultados sobre o impacto do último encontro na televisão darem a vantagem ao democrata, Bush não desarma: “Tivemos um grande debate. Esclarecemos as diferenças dos nossos percursos, as nossas abordagens, os nossos planos para o futuro. Estou orgulhoso do meu desempenho.” Também em Las Vegas, a campanha democrata levantou números. Os que dizem respeito aos défices. Ontem foi divulgado o volume recorde do défice comercial dos Estados Unidos, 54 mil milhões de dólares, e sabe-se que o buraco orçamental é de 413 mil milhões de dólares. Kerry fala directamente aos bolsos dos americanos: “Será que queremos ter um presidente, nos próximos quatro anos, que dá mais aos que já têm mais e que diz à classe média que tudo irá correr bem? Ou queremos um presidente que vai lutar pelos valores e oportunidades dessa classe média?” Perguntas que vão continuar a ecoar na campanha que se vai estender ainda a quase uma dezena de estados.