Última hora

Última hora

Polícia turca reprime violentamente defensores dos direitos das mulheres

Em leitura:

Polícia turca reprime violentamente defensores dos direitos das mulheres

Polícia turca reprime violentamente defensores dos direitos das mulheres
Tamanho do texto Aa Aa

Pleno centro de Istambul. Mais de trezentos manifestantes concentraram-se junto à Câmara Municipal, para assinalar a chegada do Dia Internacional da Mulher, na próxima terça-feira, e relembrar a luta pelo direito à igualdade na Turquia. Apolícia ordenou a dispersão, alegando que o ajuntamento não tinha sido permitido. Cerca de uma centena de pessoas não desmobilizou. Seguiram-se cenas de violência que as autoridades terão certamente dificuldade em explicar num país que procura a integração europeia.

Para além das bastonadas e dos pontapés, a polícia utilizou gás lacrimogéneo. Mais de 60 pessoas foram detidas. Houve um outro protesto que começou pacificamente não muito longe, no qual as autoridades também intervieram.