Última hora

Páscoa Ortodoxa enfraquece manifestações do primeiro de Maio

Páscoa Ortodoxa enfraquece manifestações do primeiro de Maio
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

As comemorações da festa dos trabalhadores na Rússia têm este ano a concorrência da Páscoa Ortodoxa. As manifestações começaram, esta manhã, um pouco por todo o país mas com uma afluência relativamente fraca.

São sobretudo os comunistas e os nacionalistas de esquerda, hostis ao poder de Vladimir Putin, que fizeram hoje a manifestação em Vladivostok, no extremo oriente da Rússia. Em Moscovo, a polícia estimou em nove mil o número participantes num desfile onde o agitar das bandeiras foi seguido por palavras de ordem contra o poder. Um cortejo liderado pelos sindicatos que reclamam o aumento do salário mínimo. Em Itália os Sindicatos uniram-se numa mega-concentração num bairro dos arredores de Nápoles, recente palco de sangrentos confrontos entre clãs mafiosos. Um local escolhido como o propósito de manifestarem solidariedade a uma população que habita um local social e economicamente degradado.
A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.