Última hora
This content is not available in your region

Adidas vende Salomon por 458 milhões de euros

Adidas vende Salomon por 458 milhões de euros
Tamanho do texto Aa Aa

O fabricante alemão de material desportivo Adidas vai separar-se da filial Salomon, conhecida, sobretudo, como fabricante de esquis e material para desportos de Inverno. A Adidas anunciou a venda desta unidade, por 485 milhões de euros, ao grupo finlandês Amer, responsável por marcas como os esquis Atomic ou as raquetes Wilson.

O negócio deve estar concluído em Setembro. A venda faz parte de um plano de redução de custos. A Adidas espera poupar, até 2008, quarenta milhões de euros. O anúncio foi feito no mesmo dia em que o grupo publicou uma subida de 46 por cento nos lucros, para os 105 milhões de euros. Os bons resultados são fruto da subida das vendas na Ásia e na América do Norte. No entanto, é a Europa que representa o grosso da facturação do grupo. Aqui, o grupo teve um volume de negócios de 960 milhões de euros, embora as tenham crescido apenas um por cento. A América Latina foi a zona do Globo onde as vendas mais cresceram (45 por cento), no entanto a facturação representou menos de um quinto da conseguida no resto do continente americano ou na Ásia. Apesar dos bons resultados, a Adidas prevê um resto de ano pouco animado, já que não há grandes provas desportivas internacionais e pensa comercializar, já este ano, os artigos relacionados com o Mundial de Futebol de 2006.
A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.