Última hora

Schwarzenegger veta casamento homossexual

Schwarzenegger veta casamento homossexual
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O parlamento estatal californiano aprovou o casamento entre homossexuais mas Arnold Schwarzenegger vai vetar a proposta de lei. Por intermédio da sua porta-voz, o governador da Califórnia justificou a decisão com base no interesse dos eleitores que, há cinco anos, definiram, em referendo, que o casamento é a união entre um homem e uma mulher.

Assim, apesar da aprovação das duas câmaras do parlamento estatal, de umaproposta de lei que não determina a sexo dos noivos, Schwarznegger rejeita a ambição homossexual californiana. No entanto, o ex-actor garantiu que os casais homossexuais têm direito à protecção da lei e não devem ser discriminados devido à sua relação. O governador acredita que apenas um novo referendo ou uma decisão judicial podem alterar a definição legal de casamento. Este assunto está em debate na Califórnia desde o ano passado, depois do “mayor” de São Francisco, Gavin Newson, ter autorizado mais de 4 mil matrimónios homossexuais. Casamentos depois anulados pelo Supremo Tribunal estatal.
A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.