Última hora

Última hora

Japão: Koizumi em vias de ser reeleito em legislativas antecipadas

Em leitura:

Japão: Koizumi em vias de ser reeleito em legislativas antecipadas

Japão: Koizumi em vias de ser reeleito em legislativas antecipadas
Tamanho do texto Aa Aa

A aposta de Junichiro Koizumi deverá este domingo dar frutos nas eleições antecipadas.

Depois de, a 8 de Agosto, ter perdido a votação parlamentar sobre a reforma dos Correios, o chefe de governo dissolveu a assembleia. Agora, o Partido Liberal Democrático do primeiro-ministro japonês é cotado com um forte avanço nas sondagens. Assim, uma vitória de Koizumi, que afastou os deputados rebeldes do partido, significa que a privatização dos serviços postais, destinada a revitalizar a economia nipónica, irá para a frente, o que vai permitir a criação do maior banco privado do mundo, com activos de 3 biliões de dólares. Em segundo lugar nas sondagens chega o Partido Democrático de Katsuya Okada. Incapazes de capitalizar as cisões no seio do PLD, os democratas não conseguiram também explicar ao eleitorado qual a posição que têm sobre a privatização dos Correios, que encaram realizar a prazo, mas que agora, dizem,irá implicar despedimentos em massa e uma degradação do serviço postal. Porém, nem só de economia foi feita esta campanha. Em termos de política externa, o santuário de guerra de Yasukuni continua a ser alvo de críticas ao expansionismo militarista nipónico cada vez menos encapotado e a envenenar as relações com a China e a Coreia do Sul. A presença no Iraque está também pendente.A oposição reclama o regresso imediato do contingente destacado em Samawah. O executivo conservador pondera avaliar a questão depois do referendo iraquiano em Outubro.