Última hora
This content is not available in your region

Israel deixa Faixa de Gaza

Israel deixa Faixa de Gaza
Tamanho do texto Aa Aa

As forças armadas israelitas arrearam este domingo a bandeira nacional de Israel na Faixa de Gaza. uma cerimónia militar que marca a retirada das suas tropas do território depois de 38 anos de ocupação.

Estava prevista uma cerimónia de entrega de poder à Autoridade Palestiniana, mas de acordo com uma fonte militar israelita, foi cancelada face à indisponibilidade dos palestinianos. Um dos motivos desta recusa diz respeito ao estatuto do território. Os palestinianos afirmam que a Faixa de Gaza continuará ocupada uma vez que as fronteiras marítimas e terrestres vão estar controladas pelas forças armadas israelitas, com excepção a sul. O corredor Filadelfi vai ser patrulhado pelo Egipto. Em conselho de ministros o governo de Ariel Sharon decidiu deixar de pé as sinagogas, o último obstáculo à retirada hebraica. Uma decisão que pode ter efeitos substanciais. Por um lado, dizem analistas, Sharon procura ganhar apoio junto de influentes rabis. Por outro, os palestinianos vão estar entre a espada e a parede. Destruir estes locais de culto judeu poderá provocar a crítica internacional enquanto que o contrário interfere com os seus planos para a Faixa de Gaza.