A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

A anarquia parece reinar nas ruas da capital do Ulster

A anarquia parece reinar nas ruas da capital do Ulster
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A cidade de Belfast é palco de confrontos violentos desde sábado, entre os jovens protestantes e as forças da ordem. Bombas incendiárias e armas de fogo foram empregadas contra a polícia, dezenas de agentes estão feridos.

Os protestantes revoltaram-se quando foram proibidos de desfilar nas ruas dos bairros católicos. São adeptos das famosas marchas dos orangistas, onde os protestantes celebram as vitórias do rei Guilherme de Orange contra o rei católico Jaime, em 1690. Os incidentes deste fim de semana são os mais violentos na Irlanda do Norte desde 2000. Há muito que não se via nada assim. A ordem de Orange organiza perto de duas mil marchas por ano. O problema é recorrente. Desta vez os incidentes espalharam-se por toda a cidade. A polícia usou canhões de água e balas de borracha, nalguns casos balas reais, mas não parece ter intimidado os manifestantes.