Última hora
This content is not available in your region

Annan confirma abertura de negociações sobre estatuto provisório do Kosovo

Annan confirma abertura de negociações sobre estatuto provisório do Kosovo
Tamanho do texto Aa Aa

Vão começar as negociações sobre o estatuto definitivo do Kosovo.

O anuncio foi feito pelo chefe da missão das Nações Unidas, depois de uma reunião com as autoridades sérvias, e mais tarde confirmado pelo secretário geral da ONU. Ao que tudo indica, as negociações devem começar até ao final do ano. Espera-se um diálogo tenso, já que a maioria albanesa da província quer a independência e as autoridades sérvias recusam tal estatuto, pois consideram o Kosovo como o berço da cultura sérvia. A região é administrada provisoriamente pela ONU desde 1999, data da retirada das tropas sérvias após quase 80 dias de bombardeamentos da NATO. Dez mil albaneses terão morrido nos combates e em massacres que ocorreram entre 1998 e 99. Ainda não se sabe quem vai mediar as negociações. Sabe-se que a recomendação foi feita pela ONU, tendo como base um relatório do diplomata noruegues Kal Eide sobre o avanço da democracia na região e o respeito pelos direitos das minorias. Para as autoridades sérvias, tratam-se de objectivos que estão ainda longe de serem alcançados. O primeiro-ministro sérvio Vojislav Kostunica garante que a minoria sérvia no Kosovo é privada de direitos fundamentais como a segurança, a liberdade de deslocação e protecção do património sérvio. A situação no terreno está neste momento relativamente calma, mas há poucos dias uma bomba explodiu numa viatura blindada da missão das Nações Unidas, sem causar vítimas.