Última hora

Kassyanov falha liderança do partido e visibilidade para presidenciais de 2008

Kassyanov falha liderança do partido e visibilidade para presidenciais de 2008
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Mikhail Kassyanov não conseguiu ser eleito líder do Partido Democrático da Rússia. O antigo primeiro-ministro russo falha assim a sua tentativa para conseguir uma plataforma política que lhe dê visibilidade e lhe permita contrariar a baixa popularidade com vista às presidenciais de 2008.

Kassyanov acusa as autoridades de sabotagem, considerando que demonstraram este sábado que têm medo de movimentos políticos e sociais, de qualquer processo ou evento que se desenrole fora do seu controlo. Kassyanov acrescenta que a democracia está em perigo na Rússia. O antigo chefe do governo foi impedido de entrar no congresso pelos opositores. Reuniu os apoiantes numa outra sala, mas sem a representação regional suficiente para proceder a votos. O partido elegeu Andrei Bogdanov. Mikhail Kassyanov foi demitido do governo em 2004, em ruptura com o presidente, depois de quatro anos de governação marcados pelo sucesso económico e reformas que ajudaram a subir a popularidade de Vladimir Putin.
A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.