Última hora
This content is not available in your region

Sharon sai do hospital bem de saúde

Sharon sai do hospital bem de saúde
Tamanho do texto Aa Aa

Ariel Sharon saiu esta terça-feira do hospital depois de dois dias de internamento, na sequência do AVC ligeiro que sofreu no domingo. Sharon agradeceu, em público, a dedicação e profissionalismo da equipa médica e afirmou ter ficado sensibilizado com a preocupação geral dos cidadãos.

Apesar deste pequeno problema de saúde, que os médicos garantiram que não vai deixar sequelas, o líder do recém-fundado partido Kadima continua em alta na intenções de voto para as eleições legislativas de 28 de Março, a acreditar nos estudos de opinião. No entanto, alguns especialistas políticos referem que mais complicações de saúde poderão hipotecar as aspirações do Kadima. Quem está numa posição delicada é o Likud, agora sob a liderança de Benjamin Netanyahu, que garantiu a vitória nas eleições internas com o apoios dos ultranacionalistas. Sondagens indicam que o Likud está em terceiro lugar na preferência dos eleitores, atrás do Kadima e do partido trabalhista. O “Big Bang” político em Israel já ocorreu. O cenário está agora muito claro. “O que nós temos agora é um sistema tripolar, com três ideias distintas, com três diferenças ideológicas. Temos os trabalhistas que regressam à verdadeira esquerda, temos Sharon como líder dos centristas e Netanyahu a dar uma nova voz à direita israelita”, referiu o analista político Ari Shavit, que explica deste modo o posicionamento das principais forças políticas de Israel que se preparam para mais uma combate eleitoral. Até lá o processo de paz do conflito israelo-palestiniano fica paralisado.