Última hora

Última hora

Barroso festeja 50 anos em plena Cimeira Europeia da energia

Em leitura:

Barroso festeja 50 anos em plena Cimeira Europeia da energia

Barroso festeja 50 anos em plena Cimeira Europeia da energia
Tamanho do texto Aa Aa

Durão Barroso não tinha contado com a surpresa preparada pelo chanceler austríaco Wolfgang Schussel, que este semestre assume os destinos da União: um bolo de aniversário, apresentado em plena foto de família dos chefes de Estado e de governo dos Vinte e Cinco, que festejaram, assim, os 50 anos do presidente da Comissão Europeia.

Uma forma de adoçar as bocas numa cimeira tensa. Os líderes dos Vinte e Cinco discutem, sobretudo, o lançamento de uma política energética comum, num contexto marcado pela polémica em torno do alegado patriotismo económico de certos países e do caso Enel/Suez/Gaz de France.

Mas não é só a França que está em causa. A Espanha também é acusada de proteger o seu mercado energético, concretamente no caso da OPA da E.ON sobre a Endesa.

Estas manobras não agradam à Comissão, que defende a criação de grandes empresas energéticas europeias. Aquilo a que a chanceler alemã chama os “campeões europeus”. Angela Merkel pediu mesmo aos parceiros que ponham de lado as questões nacionais e pensem em termos comunitários.

Os Vinte e Cinco discutem a proposta da Comissão Europeia para uma política energética comum e uma diversificação dos fornecedores e das fontes de energia – com destaque para as alternativas mais ecológicas. Bruxelas defende ainda que a Europa deve falar a uma só voz na cena internacional e, sobretudo, quando se trata de negociar com Moscovo.