Última hora

Última hora

Fim de quatro meses de cativeiro para três voluntários ocidentais no Iraque

Em leitura:

Fim de quatro meses de cativeiro para três voluntários ocidentais no Iraque

Fim de quatro meses de cativeiro para três voluntários ocidentais no Iraque
Tamanho do texto Aa Aa

Foi uma operação militar que pôs fim ao cativeiro dos três voluntários ocidentais. O britânico Norman Kember e os canadianos Jim Loney e Harmeet Sooden tinham sido raptados há quatro meses em Bagdade. Foram libertados hoje e encontram-se bem.

Segundo fontes militares, os reféns estavam algemados e sozinhos numa casa de um bairro sunita no Oeste de Bagdade, indicada por uma pessoa detida ontem. Os três estavam no Iraque ao serviço de uma organização humanitária cristã. O director da Christian Peacemaker Teams Doug Pritchard enfatiza a alegria que partilham com familiares e amigos e da expectativa de os ver regressar, após quatro meses de incerteza, medo e esperança. Os reféns estavam ameaçados de morte e os raptores, as Brigadas das Espadas da Lei, concretizaram-na parcialmente. Um quarto refém de nacionalidade norte-americana foi torturado e morto. O seu corpo foi encontrado há duas semanas, o que fez aumentar o desespero das famílias.