Última hora

Última hora

Reforma da lei da imigração agita EUA

Em leitura:

Reforma da lei da imigração agita EUA

Reforma da lei da imigração agita EUA
Tamanho do texto Aa Aa

Meio milhão pessoas nas ruas de Los Angeles para manifestarem contra um projecto-de-lei sobre a imigração e reclamar uma amnistia para todos os clandestinos que vivem no país. O cortejo inundou as ruas da cidade que conta com 9 milhões e meio de habitantes, 44% dos quais de origem hispânica. À semelhança do que se passou ontem em Phoenix, no Arizona, os manifestantes surpreenderam pelo elevado número e o movimento de contestação tem-se registado em diferentes cidades norte-americanas.

Em Washington, o Senado deverá aprovar na próxima semana um projecto-de-lei sobre a imigraçao que divide profundamente a maioria republicana entre os que defendem uma política repressiva e os que propõem a legalização dos onze milhões de sem papéis. O presidente George W.Bush defendeu a regularização de uma parte desses clandestinos que trabalhem, afirmando que “a América é uma nação de imigrantes mas também de lei e a lei sobre a imigração deve ser reformada”