Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

A Europa em força para que a Paz perdure no Líbano

A Europa em força para que a Paz perdure no Líbano
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Depois do levantamento do embargo israelita a costa libanesa começou a ser patrulhada pela força internacional liderada pela Itália. Os militares devem verificar se o embargo de armas ao Hezbollah está a ser respeitado. Esta força naval vai apoiar a Marinha libanesa mas não está mandatada para intervenções musculadas uma situação que levou a Alemanha a pedir uma maior clarificação à ONU antes de enviar um batalhão para garantir a segurança das águas territoriais libanesas a pedido de Beirute.

A Itália anunciou o envio suplementar de efectivos para o sul do Líbano que deverá permitir a retirada definitiva de Israel do território, mas é no norte que se concentram agora as atenções: “Atribuiram-nos a zona norte, é a mais próxima da costa síria e a mais sensível. Se houver tráfico de armas é provável que venha dessa direcção” explica o comandante da Fragata francesa Gregoire. Dentro de duas semanas a força internacional vinda da Europa deverá atingir os 5000 mil homens.