A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

NATO ajuda Ucrânia na destruição de armas ligeiras

NATO ajuda Ucrânia na destruição de armas ligeiras
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Ucrânia tem, a partir de agora, uma infraestrutura para destruição de armas ilegais confiscadas nos últimos anos no país como as armas herdadas com o colapso da União Soviética. O programa que levou à construção das instalações hoje inauguradas foi concebido e erguido com a participação e financiamento da NATO, com os Estados Unidos à frente, como nação líder.

William Taylor, embaixador dos Estados Unidos na Ucrânia, explica que “este é um programa para 12 anos, focado na eliminação de armas tanto de pessoas que as possam ter armazenadas nesta área como de pessoas de todo o mundo, pois gente com más intenções pode ter acesso e disparar todas as armas que quiser de aviões; as armas podem matar pessoas”.

Nos três primeiros anos desta operação devem ser destruidas 400 mil armas ligeiras (fusis, kalachikovs, pistolas, lança-granadas, etc) e 15 mil toneladas de munições devem ser destruídas também no quadro desta primeira operação. Entre Junho e Setembro serão destruídos 1000 lança -róquetes.