A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Manifestação pacífica contra demolição

Manifestação pacífica contra demolição
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Mais de uma centena de pessoas, jovens na sua maioria, organizaram uma marcha noturna em Copenhaga. A concentração decorreu de forma pacífica e surge na sequência dos acontecimentos iniciados na quinta-feira passada. A forte presença policial dissuadiu os manifestantes que desta vez trocaram as pedras por flores. As críticas às autoridades mantiveram-se até porque o edifício da discórdia começou a ser demolido.

“É um símbolo da cultura e do nacionalismo dinamarquês. É um pena que esteja a ser deitado abaixo. É um edifício que na realidade comemora este ano 110 anos e uma casa que nos deu tanta cultura”, afirmou um dos manifestantes.

Ocupado em 1982 com o acordo das autoridades o edifício da polémica tornou-se num centro de cultura “underground”. Mas há seis anos foi vendido. A ordem de despejo foi cumprida na quinta-feira e seguiram-se dois dias de guerrilha urbana. A polícia deteve mais de 600 pessoas.