A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Ahtisaari propõe independência do Kosovo de forma explícita, diz Le Monde

Ahtisaari propõe independência do Kosovo de forma explícita, diz Le Monde
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O mediador da ONU para o Kosovo, Martti Ahtisaari, minimiza as revelações do Le Monde sobre a utilização da palavra independência no seu relatório, que será entregue a 26 de Março aos membros do Conselho de Segurança da ONU. Na edição desta quarta-feira, o jornal francês afirma ter tido acesso ao relatório confidencial e que Ahtisaari defende que “a independência sob vigilância internacional é a única solução possível” e que é “impensável manter uma administração internacional”.

Há oito anos que o Kosovo é administrado pela ONU, com a ajuda de 17 mil soldados da NATO. Durante 14 meses de negociações entre sérvios e albaneses, Ahtisaari não usou a palavra independência, mas relembra que a sua proposta foi interpretada como tal. Em Fevereiro, propôs um Kosovo soberano sob controlo de uma missão europeia, com uma constituição, bandeira, hino e representação em instituições internacionais.

A Sérvia, que não quer abrir mão da província, espera que a Rússia vete o futuro estatuto na votação no Conselho de Segurança da ONU, mas tal cenário faz temer uma onda de violência. Moscovo apela a novas negociações entre sérvios e albaneses. Ahtisaari rejeita.