Última hora
This content is not available in your region

G8 encerra com acordo sobre África

G8 encerra com acordo sobre África
Tamanho do texto Aa Aa

Depois do compromisso sobre a luta contra o aquecimento global os líderes do G 8 conseguem acordo sobre as ajudas a África. Um programa de cerca de 45 mil milhões de euros para combater a Sida, a Malária e a Tuberculose apoiado sobretudo pelos Estados Unidos que já em Maio último tinham anunciado duplicar a fatia norte-americana. O anúncio deste acordo foi efectuado por Angela Merkel depois de se ter encontrado com vários líderes africanos. O presidente da República do Ghana, John Agyekum Kufuor, exprimiu-se em nome da União Africana declarando: “ A África espera que o G8 cumpra as promessas feitas, da nossa parte tentaremos fazer o mesmo e assim teremos uma boa parceria. E esperamos recuperar um sistema de mútua responsabilidade para que ambas as partes respeitem os seus compromisso.” Este último dia da cimeira do G8 em Heiligendamm será consagrado a uma série de encontros com líderes dos países emergentes como a China e países africanos convidados a participar no encontro como a Nigéria, Argélia, Egipto, Africa do Sul, Etiópia e Gana.
Em matéria de ajuda os países mais industrializados do G8 confirmaram as promessas feitas há dois anos de ajudas públicas ao desenvolvimento do continente africano na cimeira de Glenagles, na Grã-Bretanha.