Última hora

Fed mantém taxa de referência

Fed mantém taxa de referência
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Reserva Federal norte-americana manteve a taxa de juro de referência nos 5,25 por cento, numa decisão tomada durante uma reunião de dois dias que terminou esta quinta-feira.

O anúncio já era esperado por todos os analistas, já que o presidente da Fed, Ben Bernanke, está claramente a fazer uma pausa no ritmo de aumentos.

Excluindo os preços da comida e da energia, a inflação está a descer. Os economistas acreditam que a Fed deve manter o actual preço do dinheiro até ao fim do ano.

Comparando as maiores economias do mundo, o Reino Unido tem a taxa mais alta, com 5,5 por cento, apenas um quarto de ponto mais alta do que a da Reserva Federal. Na Zona Euro, o preço do dinheiro está nos quatro por cento, uma taxa que pode ainda vir a aumentar.

A economia norte-americana está a dar sinais de melhoria, depois de um primeiro trimestre desastroso. O desemprego está a um nível bastante baixo… o consumo e o investimento das empresas estão a níveis satisfatórios.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.