Última hora
This content is not available in your region

Chávez quer encontro com as FARC mas Uribe recusa

Chávez quer encontro com as FARC mas Uribe recusa
Tamanho do texto Aa Aa

Hugo Chávez voltou a pedir a Álvaro Uribe que lhe autorize um encontro com o chefe das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia para negociar uma troca de prisioneiros.

Mas o presidente colombiano frisou que não aceita a deslocação do homólogo venezuelano ao seu país, tal como o seu governo não pretende criar uma zona desmilitarizada para o efeito.

Chávez aceitou em Agosto o pedido da congressista da oposição colombiana Piedad Córdoba para servir como intermediário entre Bogotá e as FARC. Córdoba tinha sido na altura encarregada por Uribe da “gestão” de uma aproximação entre o governo e os guerrilheiros.

O presidente venezuelano sublinhou que o próprio Uribe poderia acompanhá-lo ao encontro com Manuel Marulanda, líder histórico das FARC. Chávez disse também que o chefe de Estado francês Nicolas Sarkozy estaria disposto a participar nas negociações para a libertação de reféns, entre os quais se encontra a franco-colombiana Ingrid Bettancourt, raptada em 2002.